Revisão sobre substantivos - grau


estudarRevisar os tópicos de gramática é extremamente necessário nesses tempos em que se diz por aí que só interpretação de textos cai na prova do Enem. Isso não é tudo mentira, mas neste caso é preciso entender que a gramática contribui na interpretação. Estudar, por exemplo, aumentativo e diminutivo dos substantivo vai muito além de simplesmente classificar gramaticalmente a palavra. existem sentidos por trás da palavra que merece, neste caso, uma atenção maior. Você também pode usar este site para assistir vídeo-aulas sobre todos os conteúdos que abordo aqui no site.

Atividades revisionais de substantivo

Ela tem medo de quê?

Medo de animais, da morte ou de que os pais sumam para sempre. Toda criança, seja ela qual for, tem os seus medos – alguns absurdos; outros, nem tanto – eles devem ser respeitados. Mas há uma série de coisas que os pais podem (e devem) fazer para tentar, pelo menos, diminuir esse pânico.

Em primeiro lugar, é bom que estejam preparados para enfrentar temores que nem imaginavam existir, como, por exemplo, o pavor de ser engolido por um aspirador de pó, como aconteceu com o Bernardo, oito meses, filho de Marina. É ela quem conta: “ Eu o vi todo encolhidinho no berço, parecia assustado, com medo mesmo.” Receio que, aliás, é mais do que justificável: o barulho de um aspirador de pó é realmente assustador – principalmente para um bebê daquela idade.

Mesmo assim, Marina ficou surpresa com a reação do filho. “ Eu sei que não deveria me espantar. É natural que um bebê se assuste com um barulhão desses, mas eu não estava preparada para esse tipo de medo.

Marina também não estava preparada para o que sua filha Mariana, de seis anos, sentiu, quando a mãe engravidou. “Ela era uma menina muito tranqüila, até que, de uma hora para outra, começou a ter um comportamento muito estranho no colégio”, lembra. “ Ficava apavorada com tudo e não podia ficar sozinha de jeito nenhum. Eu nunca vou ter certeza, mas tudo indica que ela temia que minha gravidez, de alguma forma fosse uma ameaça.”É, pelo jeito, ela estava certa: foi só o bebê nascer e a insegurança de Marina desapareceu como por encanto.

Na verdade, o medo faz parte da experiência de vida de cada criança e reflete a preocupação crescente com o mundo que a rodeia. E ele não acaba, necessariamente, quando a criança cresce. Quer um exemplo? Quem de nós não conhece um adulto que não consegue andar de metrô ou, mesmo entrar em um elevador?

Alguns medos já nascem junto com o bebê. Há quatro que podem ser considerados como hereditários: do desconhecido, de animais, do perigo e da morte. É tarefa dos pais ajudarem os filhos a lidar com eles.

A verdade é que não é fácil lidar com eles, já que crianças dessa idade não sabem expressá-los.

Os pais devem estimular seus filhos a falar sobre seus medos. Quando o medo persiste por muito tempo e impede que a criança leve uma vida normal, provavelmente já virou fobia (medo excessivo). O melhor então é consultar um psicólogo.

(OLIVEIRA, Maria Amélia de Revista Pais e Filhos.)

SOBRE O TEXTO:

1 – O que é falso ou verdade sobre o texto? Justifique as questões falsas.

( ) Os medos desaparecem quando as crianças crescem.

( ) As crianças não sabem como expressar seus medos. Os pais devem estimulá-las a falar sobre isto.

( ) Os medos não nascem coma as crianças, São adquiridos depois, no decorrer da infância.

2 – Que exemplos dado no texto sugere que a insegurança pode provocar comportamento estranho diante de certos medos? Cite o parágrafo.

3 – Que tipos de medos podem ser herdados?

4 – No terceiro parágrafo há uma palavra que está no aumentativo. Qual é essa palavra? Qual o seu sentido de acordo com o texto?

5 – Às vezes, o substantivo é empregado no aumentativo ou no diminutivo não para indicar aumento ou diminuição, e sim para revelar carinho, ironia, desprezo ou outro sentimento. Observe as ilustrações e diga o que o substantivo destacado está indicando.

clip_image002

clip_image004

6 – Que sentidos mostram os graus dos substantivos em negrito?

a) Paizão você é muito legal!

b) Você quer um pouco mais da farofinha?

c) Pare com esse barulhão minha filha!

d) Este casarão está mesmo caindo aos pedaços.


Postar um comentário