Projeto de alfabetização e letramento


Este projeto de alfabetização e letramento recebi de um grupo de discussão do Gooogle e posto aqui para aqueles que pretendem desenvolver atividades que visem ajudar seus alunos.

PROJETO: ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO

1. PÚBLICO ALVO: Alunos do Ensino Fundamental l.

2. DURAÇÃO: Ao longo do ano letivo

3. INTRODUÇÃO: O momento crucial de toda a seqüência da vida escolar é o momento da ALFABETIZAÇÃO, que requer de todos nós um olhar especial na busca de estratégias de ensino que promovam os alunos, garantindo o seu desenvolvimento e participação na construção do conhecimento.
A alfabetização é um processo de representação, ou seja, e o domínio da codificação e decodificação do alfabeto.para aprender a ler e escrever,a criança precisa construir um conhecimento de natureza conceitual;precisa aprender não só o que a escrita representa,mas também de que forma ela representa,graficamente a linguagem.na aprendizagem da leitura e da escrita,a criança percorre longo caminho,passando por estágios evolutivos de elaboração,descritos por Emília Ferreiro e Ana Tebenosky. O mundo atual se acha cada vez centrado na escrita.o apelo informativo a nossa volta é grande. Múltiplos códigos se articulam com as diversas linguagens e seus sistemas,exigindo reflexões e práticas relacionadas à comunicação,que possibilitem uma participação social maior do indivíduo e um melhor atendimento as demandas sociais.para isso,hoje,não basta apenas saber ler e escrever.é preciso ser letrado.o letramento exprime um nível maior de compreensão das palavras,símbolos e códigos necessários para interpretar e usar os instrumentos da linguagem e da comunicação.é preciso saber usar a leitura e a escrita nas práticas sociais que as demandam,sofrendo modificações cognitivas,lingüísticas,culturais,políticas econômicas e sociais.quem aprende a ler e a escrever e passa a usar a leitura e a escrita,envolvendo-se com esta prática torna-se uma pessoa diferente;muda o seu modo de viver sua relação com os outros e com a sua cultura.uma pessoa letrada muda sua maneira de pensar,de falar,de participar da vida e da comunidade.





04-JUSTIFICATIVA: O processo de alfabetização ocorre de forma diferente em cada indivíduo e,cada um,alcança determinados níveis também em momentos diferentes,dentro do seu próprio ritmo e motivação.O alfabetizar/letrando,leva em conta os usos sociais e as funções da escrita na sociedade,as interações e as interlocuções do indivíduo com o outro e com o objeto do conhecimento e enfatiza as relações sociais,nos quais o conhecimento é produzido,vivenciado e apropriado pelo aluno.Considerando as dificuldades dos alunos desse Estabelecimento de Ensino,referentes à leitura,escrita e interpretação de textos,propomos esse Projeto de Alfabetização e Letramento,proporcionando a estes,uma metodologia diferenciada,que redimensione o fazer pedagógico,assegurando a aprendizagem dos sistemas lingüísticos,melhorando assim,o desempenho escolar dos alunos.

05-OBJETIVOS

5.1-OBJETIVOS GERAIS
  • Promover o desenvolvimento das competências e potencialidades do aluno,visando sua formação integral (sujeito-aluno).
  • Possibilitar a aprendizagem da leitura e da escrita pelo aluno,tornando-o usuário do código lingüístico.
5.2-OBJETIVOS ESPECÍFICOS
  • Resgatar a auto-estima através de um relacionamento interativo com o aluno,elevando-lhe o autoconceito e a compreensão de que ele é portador de habilidades necessárias ao desenvolvimento da aprendizagem.
  • Propiciar a construção e apropriação do conhecimento pelo aluno.
  • Promover atividades de intervenção que levem o aluno a avançar no nível cognitivo e no letramento.
  • Sensibilizar os pais para a importância da sua participação e acompanhamento dos filhos para vencer as dificuldades de alfabetização e letramento desses.
  • Propiciar ao professor alfabetizador momentos de estudos reflexões e troca de experiências.
06-DESENVOLVIMENTO:

Etapa 1
1-Diagnóstico de alfabetização para adoção de medidas eficientes

Ações
1.1-Aplicação de teste diagnóstico de alfabetização para os alunos do Ensino Fundamental.
1.2-Correção e tabulação dos testes.
1.3-Preenchimento de fichas de análise e acompanhamento de leitura e escrita.
Responsáveis
Supervisor Pedagógico e Professores

Etapa 2
Adoção de medidas de intervenção para alunos diagnosticados

Ações
2.1-Reenturmação dos alunos diagnosticados como não-alfabetizados e, ou com defasagem de aprendizagem em horário contra-turno e, ou extra classe.
2.2-Criação de ambiente alfabetizador com diferentes portadores de texto.
2.3-Escolha do professor com perfil alfabetizador.

Responsáveis
Supervisor Pedagógico e Professores e apoio pedagógico.

Etapa 3
3-Planejamento, acompanha-mento e desenvolvimento do trabalho.

Ações
3.1-Planejamento Mensal
3.2-Acompanhamento quinzenal dos resultados para revisão de estratégias.
3.3-Disponibilização de materiais necessários ao professor alfabetizador, para desenvolvimento do seu trabalho.

Responsáveis
Supervisor Pedagógico, Direção, professores, SEE, SRE e Direção.

Etapa 4
4-Garantia da freqüência dos alunos evoluídos

Ações
4.1-Reuniões com pais para sensibilização e comprometimento dos mesmos.
4.2-Visitas às famílias dos alunos faltosos.

Responsáveis
Direção, Supervisor Pedagógico e Professores

Etapa 5
5-Utilização de metodologia e atividades diferenciadas

Ações
5.1-Desenvolvimento de metodologias diversificadas.
5.2-Desenvolvimento de atividades relacionadas a cada nível conceitual.
5.3-Utilização de jogos variados, músicas, cantigas folclóricas etc.
5.4-Desenvolvimento de atividades teatrais, uso de fantoches.
5.5-Realização de varal poético, concurso de leitura.

Responsáveis
Apoio pedagógico, professores, professor de Uso de Biblioteca, Supervisor Pedagógico e Direção.


Etapa 6
6-Aquisição de livros literários e material didático.
 
Ações
6.1-Solicitar junto a SRE/SEE, livros e materiais didáticos.

Responsáveis
Direção.

08-SUGESTÕES DE ATIVIDADES

NÍVEL PRÉ-SILÁBICO:
•    Trabalho intenso com os nomes dos alunos,destacando as letras iniciais atividades variadas com fichas,crachás e alfabeto móvel.
•    Contato com farto e variado material escrito,revistas,jornais,cartazes,livros,jogos,rótulos,embalagens, textos,músicas,poesias,parlendas entre outros.
•    Avaliação de leitura com e sem imagem-notícias,propagandas,histórias,cartas,bilhetes,etc...
•    Hora da leitura-livros,revistas e jornais a escolha.
•    Atividades de escrita espontânea-listas,relatórios,autoditado;
•    Atividades para distinção de letras e numerais;
•    Manipulação intensa com o alfabeto móvel;
•    Desenho livre,pintura,modelagem,recorte,dobradura;
•    Classificação de palavras ou nomes que se parecem;
•    Memorização de como se escreve algumas palavras;
•    Relatório oral de experiências;
•    Produção de texto oral;
•    Estudo e interpretação de gravuras;
•    Análise e síntese de palavras;
•    Interpretação oral de textos;
•    Reconto e reescrita de histórias;
•    Escritas espontâneas;

JOGOS DIVERSOS:
•    Bingo de letras,de iniciais de nomes,e outros.
•    Dominós associando nomes e iniciais,desenhos,letras;
•    Baralho de nomes,figuras;
•    Quebra –cabeças variados com gravuras,nomes e letras;

JOGOS COM CARTÕES:
•    Parear cartões com nomes iguais;
•    Parear cartões com desenhos;
•    Parear cartões com letras.

JOGOS COM O ALFABETO MÓVEL:
•    Cobrir fichas ou crachás;
•    Separar e agrupar letras iguais.

ÁLBUNS:
•    De rótulos e embalagens;
•    De nomes, retratos ou auto-retrato;
•    Da história da vida do aluno.

JOGOS E BRINCADEIRAS ORAIS:
•    Com rimas;
•    Adivinhações;
•    Telefone sem fio;
•    Recado oral;
•    Jornal falado.

NÍVEL SILÁBICO:
•    Atividades que envolvam frases e textos para facilitar a vinculação discurso oral e texto escrito.
•    Elaboração de textos coletivos.
•    Reconto e reescritas de histórias.
•    Leitura de poesias, músicas, parlendas e outros textos significativos e previamente memorizados.
•    Trabalho simultâneo e inter-relacionado com letras,palavras e textos:
•    Análise sonora sobre as iniciais dos nomes próprios e palavras significativas.
•    Completar lacunas em textos e palavras;
•    Listas,escritas espontâneas diversas;
•    Atividades para trabalhar com rimas,sons iniciais,finais e medianos das palavras;
•    Ditados variados.
•    Colocar letras em ordem alfabética.
•    Cortar o número de palavras de cada frase.

NÍVEL SILÁBICO-ALFABÉTICO:
•    Jogos e atividades variadas com o alfabeto móvel e sílabas móveis;
•    Caça-palavras;
•    Cruzadinhas;
•    Leitura e interpretação oral de diferentes textos,poesias,músicas,parlendas,textos diversos,etc...
•    Produção de textos coletivos;
•    Relatório oral e escrito de experiências vivenciadas.
•    Escrita de cartas,bilhetes,listas,anúncios e propagandas.
•    Análise e síntese de palavras significativas;
•    Classificação e seriação de palavras;
•    Transcrição de receitas,brincadeiras,piadas;
•    Reestruturação de frases de poesias,parlendas ou músicas que os alunos já sabem de cor;
•    Trabalhos manuais recortes,dobraduras,pinturas,encaixes propiciam aos alunos novas formas de expressão e o uso,em sua linguagem,de novas palavras.

NÍVEL ALFABÉTICO:
•    A prática de produção de texto é uma atividade essencial ao longo de todo o processo de alfabetização.
•    Produção de texto individual e coletiva;
•    Produção de texto a partir do desenho do aluno,a partir de gravuras em seqüência;
•    Escrita de textos a partir de outros já conhecidos pelos alunos;
•    Atividades a partir de um texto:
•     Leituras globais ou parciais;
•     reconhecimento de palavras,frases ou letras no texto;
•     análise de palavras do texto quanto ao número de sílabas e de letras,quanto a letra inicial ou final,etc...
•    ditado de palavras e frases relativas ao texto trabalhado;
•    remontagem do texto com fichas de frases ou palavras;
•    produção de um desenho para ilustrar o texto;
•    marcar, no texto mimeografado, nomes próprios e comuns, rimas, palavras no singular e no plural;
•    separar frases em palavras;
•    construir frases com palavras do texto;
•    completar lacunas de frases e palavras;
•    registrar a frente das frases, o número de palavras que a compõem;
•    produções de histórias em quadrinhos.
•    Análise de palavras numa frase ou texto;
•    Leitura de diferentes textos: livros, revistas, cartas, bilhetes, convites, propagandas, anúncios, músicas, poesias, parlendas, adivinhações, trava-línguas, etc...






 Despesas com material de consumo



10-AVALIAÇÃO:
Será contínua, verificando periodicamente o desenvolvimento da aprendizagem dos alunos.

11-BIBLIOGRAFIA:
CAGLIARI, Luiz Carlos. Alfabetização e Lingüística. São Paulo: Scipione, 1997.
CÓCCO, Maria Fernandes. HAILER, Marco Antônio. Didática da Alfabetização – Decifrar o mundo: Alfabetização e Sócio-Construtivismo. São Paulo: FTD, 1996.
FERREIRO, Emília. A Representação da linguagem e o Processo de Alfabetização, Cadernos de Pesquisa, São Paulo: 1985.
GROSSI, Ester Pillar. Didática do Nível Alfabético – Paz e Terra, São Paulo: 1990.
LEMLE, Mirian. Guia Técnico do Alfabetizador – 11ª edição. São Paulo: Ática, 1995.
BRASIL, Ministério da Educação e Desporto. Referencial Nacional para a Educação Infantil – Brasília: MEC/SEE, 1998.
RIBEIRO, Lourdes Eustáquio Pinto. Para Casa ou Para Sala? São Paulo: Didática Paulista, 1999.